Posts marcados ‘aff’

Quinto elemento!

Mas uma para a coleção.

Ui amei.

Nem sei como explicar como foi que aconteceu, eu já estava a fim de fazer uma tattoo esse mês e rolou uma folguinha então fui direto pro estúdio que já conheço.

Os meninos lá são show.

Eu me divirto em quase todos os lugares, sabe né, simpatia é a alma do negócio.

E foi rapidinho.

Deixei o desenho em um dia e no outro o tatuador já tinha umas ideias e ficou show.

Como foi nas costas como sempre nem doeu.

Adoro fazer nas costas porque nunca senti dor nessa parte do corpo, o mesmo não posso dizer sobre o tornozelo que já doeu um caralho, principalmente quando chegou ao ossinho da lateral, aff.

Mas tá valendo. Amei, cuidando com carinho para dar certo como a outra.

Ainda no segundo dia, mas já tá de boa.

 

Tudo dando certo.

A cicatrização já está no 7º dia e como coça, nossa.

Ontem a noite no horário do meu plantão, deu uma vontade louca de coçar, aff.

Mas me controlei.

 

Não tem mais plástico, agora só limpar e passar a pomada para finalizar, já tá criando a casquinha.

 

Lindinha!!!

ResumeX


Às vezes é preciso entristecer.
Às vezes é preciso chorar, lamentar e por para fora toda a magoa e a insatisfação assim evita-se que magoas tornem-se venenos na alma.

Semana agitada, entre plantões obscuros, omissões, vitorias e estágio mais ou menos.

O estagio da maternidade acaba semana que vem GRAÇAS A BUDA. Cara sério, na moral tava agüentando mais não.
Que me perdoem as mamães e os bebês, as fraldas e os partos doloridos, mas um saco.
Gostei não.
Não sou obrigada a gostar de todos os estágios e esse da maternidade não vejo a hora de acabar.
Menino chorando, menino cagado, menino nascendo, menino com fome, menino regurgitando. Aff….

As coisas sempre difíceis para mim, não sei por que a vida continua me maltratando e eu continuo fingindo que está tudo bem.

Mas como diz a frase: ISSO TAMBÉM PASSARÁ!

Dias intermináveis com uma ausência de fome, uma menstruação que quase não vem e um amor sendo abortado aos poucos.

Nuvem de tags